terça-feira, 23 de novembro de 2010

Polybius

Quem não gosta de uma conspiração? E lendas urbanas então? Com a internet essas lendas se multiplicaram, ampliaram-se e novas continuam a surgir todos os dias. Afinal você provavelmente já deve ter visto alguém lavando a boca de uma latinha de refrigerante, e quem nunca ouviu falar do pobre infeliz que acordou numa banheira cheia de gelo (chegou a ser publicado um aviso de alerta para os jovens no jornalzinho da minha cidade!).

Polybius é mais uma destas lendas urbanas, possivelmente, como na maioria desses casos, algum fato corriqueiro pode ter tomado dimensões gigantescas depois de uma série de boatos e histórias aumentadas a gosto de seus interlocutores, ou talvez algum nerd espirituoso resolveu pregar uma peça em outros nerds pelo mundo. Bem vamos ao que se sabe, ou pelo menos o que pensa-se saber a respeito.

Polybius seria um arcade no estilo de Tempest que teria sido lançado em 1981. Especula-se que o game causava vários disturbios a quem o jogava, como insanidade, estresse intenso, terriveis pesadelos e tendências suicidas. Pouco tempo depois de seu lançamento teria desaparecido sem deixar rastros, porém nunca houve qualquer evidência de sua existência.

O que se conta é que um arcade inédito teria aparecido em alguns suburbios de Portland no Oregon em 1981. O jogo provou ser extremamente popular, ao ponto de se formarem enormes filas em torno das máquinas seguidas por homens vestidos de preto (hum) que visitavam os locais regularmente para colher dados das máquinas.

Os relatos apontam uma série de efeitos colaterais desagradáveis sofridos pelos jogadores, incluindo amnésia, insônia, pesadelos, e até mesmo o suicídio em algumas versões da lenda. Alguns jogadores pararam de jogar videogames, enquanto é relatado que um se tornou um ativista anti-jogo (essa seria uma boa teoria para o surgimento desses estranhos seres que são contra os games).

O suposto criador de Polybius é Ed Rotberg, e a empresa que o produziu é chamada de Sinneslöschenem, em algumas histórias é dito que a tradução literal dessa palavra alemã seria "extinção sensorial" mas eu traduzi no Google e o resultado foi "significado claro". Enfim, não está claro para mim.
É dito que o game se tratava de um shoot 'em up com gráficos vetoriais como Tempest da Atari, e que possuia mensagens subliminares que exerciam algum tipo de influência nos jogadores.

Não se sabe ao certo como a história surgiu, alguns dizem se tratar de Hoax, outros afirmam que possa ter um fundo de verdade tendo a história sido aumentada a partir de relatos de uma possivel versão beta de Tempest que teria causado vômitos e tontura em alguns jogadores com epilepsia fotosensitiva.

Em 20 de março de 2006, um homem sob o nome de Steven Roach fez um post no Coinop contando a história de seu envolvimento com o Polybius. Ele alegou ter trabalhado para uma companhia sul-americana que pretendia promover uma "nova abordagem" para a computação gráfica. O jogo foi considerado muito criativo e viciante, mas os gráficos, mais por um erro do que design, eram perigosos e provocou ataques epiléticos. Com isso o produto teria sido recolhido, e o programa foi perdido. Em 26 de abril de 2006 Duane Weatherall de Gamepulse.co.uk (atualmente BitParade) entrevistou Roach após ele postar essa mensagem em outro fórum. A história de Roach continha uma série de controvérsias, e muito do que ele alegava parecia ser proveniente diretamente da Wikipédia, como a sugestão de envolvimento da Cyberyogi, que se trata de uma extensa pesquisa através dos arquivos da Usenet por parte de um editor da Wikipedia. A entrevista também incluiu alguns dos antecedentes de Roach, incluindo a revelação de que ele vem de Rhyl no País de Gales.

Em 20 de julho de 2007 um site sob o nome de Sinneslöschen foi colocado no ar, oferecendo o jogo Polybius em versão freeware para download. O jogo (criado com DarkBASIC e com jogabilidade e gráficos com base na entrevista com Steven Roach) e o site, foram feitos pela mesma pessoa que criou e lançou outros jogos freeware no Rogue Synapse. Na verdade, tanto sinnesloschen.com quanto roguesynapse.com possuem o mesmo endereço IP, e uma imagem do gabinete de Polybius rodando essa versão para PC foi encontrada no Rogue Synapse.

Vários vídeos do jogo foram feitos e enviados ao YouTube, onde é muitas vezes descrito como se fosse o jogo real da lenda urbana (odeio o YouTube e seus usuários ignorantes). Alguns vídeos, devido aos gráficos do game, podem causar efeitos negativos para pessoas com epilepsia.

Numa sátira nos Simpsons, um gabinete de Polybius apareceu no episódio chamado "Please Homer, Don't Hammer 'Em", confira na imagem abaixo:
 
Bom isso é que se diz a respeito, a verdade provavelmente jamais saberemos, se é que existe alguma verdade para ser revelada.


1 comentários:

Bruno C.M. (ArkaneSeeker) disse...

Conspirações regem nosso mundo, #TENSO !

Postar um comentário

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...